Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

A Caminho do meu Bem-Estar

Objectivo: Gostar de mim. A nível físico, psíquico e social. Vai ser uma viagem e tanto!

Dificuldade #1

03.06.20 | Natacha

Eu sou complicada. Muito complicada. Com uma veia perfeccionista (e ligeiramente obsessiva) capaz de assustar o mais comum dos mortais. Nunca nada está bem. Nunca nada é suficiente. É tudo 8 ou 8000.

Resultado: Na maior parte das vezes nem chego a tentar fazer alguma coisa, porque acho logo à partida que não vou conseguir nada de jeito. É o que se chama "derrota à partida". E depois sinto-me culpada porque nem sequer tentei. E quando tento, por muito bons que sejam os resultados, para mim nunca chegam. Não funciono com copos meio cheios - ou estão completamente cheios, ou totalmente vazios.

Traduzindo por miúdos: Se falho uma refeição, deito logo o dia (ou a semana) por água abaixo e daí para a frente é só asneirada. Se não faço o meu exercício logo de manhã, pronto, já não vale a pena, é dar o dia como perdido e comer tudo o que aparecer à frente. Se acho que vou fazer menos tempo de exercício do que aquele que a minha cabeça acha que deve ser feito, pronto, já nem vale a pena começar.

Esta é a primeira dificuldade a deitar abaixo. Tenho que aderir à ideia do "um dia de cada vez". No meu caso, uma refeição de cada vez, um passo de cada vez, um exercício de cada vez, um minuto de cada vez, uma asneirada de cada vez .